Com bibliotecas fechadas, rede pública cria plataforma online de conteúdos. Conheça-a!

2020-03-19 No Comments

Das 303 bibliotecas municipais, ainda há algumas abertas ao público, mas a maioria encerrou, tendo sido criada uma plataforma digital de partilha de conteúdos com os leitores, revelou a Direção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas (DGLAB).

Em declarações à agência Lusa, o diretor de serviços de bibliotecas da DGLAB, Bruno Eiras, explicou que quase 200 bibliotecas públicas estão encerradas e algumas, sem especificar quantas, ainda estão abertas ao público.

“Como a decisão de encerramento das Bibliotecas Públicas cabe aos municípios, continuamos a tentar atualizar informações”, disse o responsável. Segundo Bruno Eiras, existem “muitos trabalhadores em bibliotecas encerradas, mas que estão a fazer tarefas internas, mesmo com redução de pessoal e de horário”.

Para fazer cumprir o possível da missão das bibliotecas públicas, em tempo de isolamento social por causa da pandemia da doença Covid-19, a Rede Nacional de Bibliotecas Públicas (RNBP) lançou uma plataforma que reúne recursos e informações para os leitores.

Em flipboard.com/@RNBP_DGLAB, estão já a ser partilhados conteúdos gratuitos, “com sugestões de leitura, visitas a exposições, seleção de músicas e filmes, jogos, propostas de formação e cursos disponíveis”.

“Numa altura em que grande parte da população está impedida de se deslocar às bibliotecas, temos de tentar continuar a fazer chegar informação e recursos ‘online’”, disse Bruno Eiras.

Respondendo ao isolamento social dos portugueses, também o Plano Nacional de Leitura (PNL) criou a “Antiquarentena de Leituras”, reunindo desafios de leitura e de escrita para os mais novos, sugestões literárias, jogos educativos e aplicações relacionadas com livro e leitura.

Fonte: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/covid-19-com-bibliotecas-fechadas-rede-publica-cria-plataforma-online-de-conteudos