A Rede Portuguesa de Museus (RPM) vai passar a contar com mais quatro instituições, aumentando o número de membros para 149, de acordo com um diploma publicado na quinta-feira em Diário da República (DR).

De acordo com o despacho 5977/2017, assinado pelo ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes, foram incluídos na RPM o Museu do Douro, com sede na Régua e diferentes polos na região duriense, o Museu da Comunidade Concelhia da Batalha, no distrito de Leiria, o Museu Municipal de Loulé, no Algarve, e o Museu da Misericórdia do Porto.

Outro despacho publicado na mesma data revela que a RPM retirou a credenciação ao Museu do Brinquedo de Sintra, integrado na rede desde 2004, por se encontrar “encerrado desde 31 de agosto de 2014″.

A credenciação de museus na RPM faz-se por candidatura e prevê um processo que passa pela aferição da qualidade da entidade proposta, sendo que a sua integração na rede constitui “um fator de promoção do acesso à cultura e de enriquecimento do património cultural português”, lê-se no despacho do ministro.

Fonte e mais informações: http://www.dn.pt/lusa/interior/museus-da-misericordia-do-porto-da-batalha-douro-e-leiria-entram-na-rede-portuguesa-8619962.html

Share