A Biblioteca Municipal de Ourique já integra a rede mundial de bibliotecas associadas da UNESCO, graças a um projeto “fora de portas” para “chegar mais próximo” dos que não podem deslocar-se às suas instalações.

Segundo a Câmara de Ourique, no distrito de Beja, o município recebeu o certificado de adesão à Rede de Bibliotecas Associadas da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) graças ao projeto “Biblioteca fora de portas: uma Biblioteca para todos”.

Trata-se de um projeto de promoção do livro e da leitura em meio rural e que leva, uma vez por mês, aos habitantes de cada uma das freguesias do concelho, uma seleção de livros para empréstimo domiciliário.

O projeto também tem uma componente de mediação de leitura junto dos idosos que frequentam os lares e centros de dia das freguesias do concelho.

A Biblioteca Municipal de Ourique é a quinta biblioteca do Baixo Alentejo a fazer parte da rede, que conta com mais de 500 bibliotecas associadas em todo o mundo e “tem como objetivo principal a promoção da leitura e do livro como ferramentas essenciais para o desenvolvimento do saber, do entendimento e da cooperação internacional”, indica o município, num comunicado enviado à agência Lusa.

Desta forma, a Biblioteca Municipal de Ourique passa a fazer parte de uma rede mundial, que também “procura estimular a parceria e a troca de experiências” com as congéneres da Rede de Bibliotecas Associadas à Comissão Nacional da UNESCO e de outros Estados-Membros, explica o município.

Através de várias ações que “tenham como pano de fundo” áreas da UNESCO, como “workshops” e oficinas, a rede mundial também “procura estimular a parceria e a troca de experiências” das bibliotecas associadas com membros de outras redes coordenadas pela Comissão Nacional da UNESCO, como as de centros e clubes e de escolas associadas.

Fonte e mais informações: https://www.dn.pt/lusa/interior/biblioteca-municipal-de-ourique-integra-rede-mundial-da-unesco-8929862.html

Share